Liga das Nações esgota capacidade hoteleira no Minho e Grande Porto

  • Publicado em Desporto
Capacidade hoteleira está esgotada em Guimarães

Os cerca de 100 mil adeptos que visitam Portugal para a Liga das Nações, que arranca amanhã, praticamente esgotaram os hotéis das cidades anfitriãs e dos concelhos vizinhos do evento. Segundo a Turismo do Porto e Norte de Portugal (TPNP), em Guimarães, sede da Inglaterra, a capacidade hoteleira está esgotada e em Braga, onde estagia a Holanda, está muito perto disso.

No Porto a situação é similar, com o índice de ocupação hoteleira muito perto da lotação esgotada e nos concelhos limítrofes a ultrapassar os 80 por cento. “Tudo concorre para que tenhamos um junho histórico em termos turísticos. Tivemos um rally que foi um sucesso, agora a Liga das Nações e ainda teremos os santos populares”, lembra Luís Pedro Martins, presidente da TPNP.

Um estudo do Instituto Português de Administração e Marketing (IPAM) estima que esta Liga das Nações, que tem a grande final agendada para domingo, dia 9, possa trazer um retorno para a economia local na ordem dos 150 milhões de euros. Para lá dos proveitos diretos, há ainda que considerar a projeção internacional do território por força das transmissões televisivas, apontando-se para cerca de 100 milhões de espectadores, segundo dados da UEFA.

O presidente da TPNP acrescenta que “esta é mais uma excelente oportunidade para os turistas nacionais virem passear até ao Norte e participarem nesta festa da Liga das Nações, independentemente de poderem assistir ou não no estádio, existem Fun Zones no Porto e em Guimarães e um ambiente fantástico em torno deste evento”.