Alunos de Guimarães visitam as memórias produzidas no projeto «Pergunta ao Tempo»

  • Publicado em Cultura
Na Casa da Memória

Mais de 300 alunos do 4º ano dos 14 agrupamentos escolares de Guimarães participaram no projeto «Pergunta ao Tempo».

Um filme, uma cartografia, documentos e imagens, caixas com fotos ou instalação de tapetes são alguns dos projetos em exposição na Casa da Memória, resultado do trabalho elaborado pelos alunos do 4º ano dos 14 agrupamentos escolares do concelho de Guimarães no âmbito do projeto "Pergunta ao Tempo", desenvolvido pela Câmara Municipal de Guimarães e A Oficina.

Esta terça-feira, 28 de maio, foi inaugurada a exposição com a visita de todos os alunos participantes, conferindo o resultado final deste projeto educativo. "Este é um trabalho de profundidade que apela à criatividade, à investigação e a um exercício de memória feito pelas crianças em conjunto com os professores, familiares e a própria comunidade", salientou a Vereadora da Educação, Adelina Pinto, congratulando o empenho demonstrado pelos alunos na construção desta exposição que "enriquece ainda mais a Casa da Memória".

As histórias e os testemunhos recolhidos pelas crianças integram os núcleos expositivos da exposição permanente da Casa da Memória, até 29 setembro e pode ser visitada das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 19h00.

Esta é a terceira edição do projeto "Pergunta ao Tempo" que integra os alunos do 4.º ano de várias escolas do concelho no sentido de estudarem o património nas suas múltiplas vertentes: material e imaterial; móvel e imóvel. Este é um objetivo do Projeto Educativo Municipal que abre as portas de todos os seus equipamentos aos alunos, apostando na História Local, na História Patrimonial e nas Artes.