AVE vai promover uma caminhada na «Rota da Citânia de Briteiros»

  • Publicado em Atualidade
No domingo

A AVE - Associação Vimaranense para a Ecologia vai organizar uma caminhada este domingo, por um dos três trilhos homologados no concelho de Guimarães, designado por "Rota da Citânia de Briteiros".

Este percurso é circular, tendo início e fim junto ao Museu da Cultura Castreja, em Briteiros São Salvador. O trajeto entre o museu e a igreja é feito por estrada, entrando junto a esta por um estradão em terra que nos leva ao moinho de cubo no rio Torto, já na freguesia de Donim.

A subida ao monte de São Romão, mais conhecido por monte da Citânia é a parte do percurso que exige mais esforço físico, mas recompensado com uma vista soberba sobre o vale do Ave. No cimo, após cruzar a estrada começa a descida para os moinhos de Portuguediz na freguesia de Sobreposta, já no concelho de Braga onde iremos fazer o habitual piquenique na eira comunitária.

O regresso será pelas margens do rio Febra, onde as suas cascatas quebram o silêncio, com uma melodia ímpar passando num conjunto de moinhos em ruínas com uma envolvente natural aprazível e que faz do local, talvez o sítio mais belo de todo o percurso.

O percurso tem algum piso escorregadio e com pedras soltas. Poderá também haver alguns charcos de água, pelo que se recomenda o uso de calçado apropriado.

Hora/Local de encontro: 08:45 horas, em frente à entrada da Universidade do Minho, em Azurém.
Hora/Local de partida da caminhada: 09:20 horas, junto ao Museu da Cultura Castreja em Briteiros São Salvador
Duração da atividade: 6 horas
Distância: 11 kms
Dificuldade: Fácil/média