Torneio Internacional de Xadrez de Guimarães termina este domingo

  • Publicado em Atualidade
Guimarães Chess Open 2018

O Torneio Internacional de Xadrez de Guimarães decorre até este domingo, numa organização conjunta do Município de Guimarães e dos clubes de xadrez federados do concelho de Guimarães, nomeadamente o Clube de Xadrez da Casa do Povo de Ronfe, o Clube de Xadrez Afonsino (da Escola D. Afonso Henriques), o Clube de Xadrez da Escola João de Meira e a Secção de Xadrez de “Os Amigos de Urgeses”, com o apoio da Federação Portuguesa de Xadrez (FPX) e da Associação de Xadrez do Distrito de Braga (AXDB).

Esta competição está integrada no Circuito Nacional de Torneios de Partidas Clássicas, organizado pela FPX, onde constam sete sessões, com partidas em que cada jogador terá 90 minutos mais 30 segundo de incremento por lance para dar mate ao seu adversário. A duração máxima previsível de alguns dos jogos ultrapassará as 4 horas.

Estão inscritos jogadores de 10 países (Portugal, Angola, Ucrânia, Espanha, Bulgária, Canadá, Argentina, Finlândia, Cuba e Polónia), entre os quais se destacam 20 jogadores titulados pela FIDE: sete Grandes Mestres, dos quais sobressai o cabeça do Ranking Inicial, o GM ucraniano Fedorchuk Sergey, com 2604 pontos de Elo, três Mestres Internacionais, oito Mestres FIDE, sendo um feminino, um Mestre Nacional e um Candidato a Mestre.

Em jogo estão cerca de 2500 euros em prémios, destacando-se o valor de 800 euros para o 1º. Além dos prémios monetários para a Classificação Geral e Escalões de Elo, há também troféus para os vários escalões etários e classificação feminina.

O Diretor do Torneio é António Silva, do CX Casa do Povo de Ronfe, e a arbitragem está a cargo do árbitro principal Carlos Ferreira, de Setúbal, e do vimaranense João Martinho, do CX Escola João de Meira.