Teatro Oficina promove visita performativa ao Centro Cultural Vila Flor

  • Publicado em Atualidade
No domingo e na segunda-feira

O Teatro Oficina, em colaboração com o serviço de Educação e Mediação Cultural, abre as portas do Centro Cultural Vila Flor para levar o público a descobrir «Do avesso» os lugares secretos deste espaço. Nesta visita performativa, que decorrerá no domingo e na segunda-feira, vai-se investigar o que se esconde atrás do que está por trás – o que não se vê, o que não está em cena. 

O público é convidado a descobrir onde levam os labirínticos corredores, as recônditas oficinas e outras passagens (quase) secretas que abrigam memórias e preservam saberes das pessoas que trabalham neste espaço, cuja magia começa fora do palco, na vida de todos os dias, no delicado labor de quem, com desvelo, prepara momentos tão efémeros quanto singulares. 

«Do Avesso» é o projeto vencedor da 1ª Bolsa do Gangue de Guimarães (artistas de artes performativas cartografados pelo Teatro Oficina que são provenientes de Guimarães ou com íntima relação com este território, encontrando-se espalhados pela cidade, pelo país e pelo mundo). Entre os elementos que constituem este projeto encontramos Manuela Ferreira, responsável pela encenação e dramaturgia, e Mário Alberto Pereira, Rita Morais e Tiago Porteiro, no papel de intérpretes.

O programa arranca no domingo, com uma sessão para as famílias, agendada para as 11 horas. Já na segunda-feira, haverá duas duas sessões para as escolas,  às 10:30 horas e às 15 horas.