Outono deste ano foi o mais seco desde 1971 em Portugal

  • Publicado em Atualidade

O Outono deste ano foi o mais seco desde 1971 e o segundo mais seco desde que estas medições começaram a ser feitas, há 86 anos. Segundo os registos do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), o valor médio da temperatura do ar durante o mês de Novembro foi o mais alto desde 1931.

“O Outono de 2017 (Setembro, Outubro, Novembro) em Portugal continental foi quente e extremamente seco”, lê-se na nota do IPMA, que sublinha a forte diminuição da chuva este ano: “O défice de precipitação agravou-se nos últimos meses, sendo Novembro o 8.º mês consecutivo com valores de precipitação inferiores ao normal.”

Esses oito meses, entre Abril e Novembro deste ano, foram os mais secos desde que há registos, com cerca de 30% do valor normal de precipitação. “A actual situação de seca, no final de Novembro, em comparação com situações anteriores, é a que apresenta maior percentagem de território nas classes de seca severa e extrema (97% do território)”, diz o IPMA.