Augusto Inácio: “O Moreirense pode fazer muitos mais pontos que na 1ª volta”

  • Publicado em Atualidade
Técnico analisou o jogo realizado no Estádio do Dragão

O treinador do Moreirense reconheceu a justiça do resultado frente ao FC Porto, referindo que o mais importante era não amarelar jogadores que estavam tapados com cartões amarelos. Augusto Inácio espera que a luta pela permanência não seja até final da prova, acreditando que na 2ª volta o Moreirense irá fazer muitos mais pontos.

“Primeiro dar os parabéns ao FC Porto, foi a melhor equipa em campo, sem discussão. Não vamos tirar o mérito a quem o tem. Nunca se ganhem jogos se não tivermos um bom meio-campo, estávamos debilitados e apresentámo-nos dentro das limitações. Tentámos contrariar o maior fulgor ofensivo, tivemos o primeiro remate, com uma boa defesa do Casillas. Depois o FC Porto tomou conta do jogo, criou oportunidades e estava-se à espera que marcasse, tal era a avalanche ofensiva. Aquilo que não gostei foi da minha equipa em posse de bola, houve momentos em que o FC Porto nos fez correr muito e depois nós tínhamos a bola e em poucos segundos perdíamos. Até em lançamentos de linha lateral. Isso foi desgastante e depois a expulsão que nos deixou com 10. O FC Porto faz um segundo golo num contra-ataque, num lance que podíamos ter matado o lance em falta e a partir daí o jogo terminou”, afirmou.

“Na segunda parte tentámos honrar a camisola, não fazer muitas faltas, não ver muitos amarelos, porque é importante o jogo com o Paços e tentámos fazer sempre o melhor. Vitória justa do FC Porto, faltou-nos capacidade e categoria para mais”, salientou o técnico.

“A nível tático não, jogámos sempre com três avançados. Queria tirar o Caué porque tem quatro amarelos, mas olhando para o banco, quando saiu o Alan Schons e pus o Nildo que é um extremo, não tinha mais ninguém. Não ia pôr um avançado ou defesa a meio-campo. Então aguentei até ao fim com a esperança de ele não ver amarelo. Foi nesse sentido de acalmia, disse-lhe mesmo que se houvesse um jogador do FC Porto isolado para o deixar ir. O resultado estava feito, o que interessava é que não levasse amarelo”, disse.

“Esperemos que não seja bem até final, vai ser luta titânica para ficar na primeira Liga. As equipas estão a reforçar-se bem, nós temos um bom plantel, se não houver casos de lesões, temos a do Neto, mas temos o Fernando Alexandre que chegou bem. Penso que o Moreirense pode fazer muitos mais pontos que na 1ª volta”, concluiu Augusto Inácio, quando questionado sobre a luta pela permanência na prova.