SAÚDE | Psiquiatria do Hospital de Guimarães reforça capacidade de internamento

  • Publicado em Atualidade

A Unidade de Internamento do Departamento de Psiquiatria e Saúde Mental do Centro Hospitalar do Alto Ave foi reorganizada e reforçada com recursos humanos.

“Os colaboradores deste departamento procuram melhorar e aumentar a sua capacidade de resposta às necessidades dos utentes. Em 2010, foi possível contar com a colaboração de mais uma Psiquiatra e, pela primeira vez, de um Pedopsiquiatra. O atendimento foi reorganizado e a Unidade de Internamento conta agora com 9 camas", disse Carlos Lima, responsável pelo Departamento de Psiquiatria e Saúde Mental do Centro Hospitalar do Alto Ave.

A Unidade de Interconsulta também foi reestruturada ficando capaz de dar uma "resposta mais atempada" aos pedidos de colaboração emitidos pelos outros serviços do CHAA. O atendimento aos pacientes em OBS de Medicina, em particular às vítimas de gestos suicidas, passou também a ser assumido de forma mais rápida, constituindo no "embrião de uma futura Unidade de Crise".

"Pacientes inscritos no Hospital Dia recebem as prestações oferecidas não somente pela enfermagem mas também de uma técnica de referência que está em permanente contacto com a população inscrita na Clínica do Decanoato, o que garante uma melhor continuidade dos cuidados”, acrescentou ainda Carlos Lima.

Esta quinta-feira, 07 de Outubro, o Departamento de Psiquiatria e Saúde Mental do Centro Hospitalar do Alto Ave comemora o Dia Mundial da Saúde Mental. A data será lembrada com a realização de um colóquio no auditório do Hospital de Guimarães, com início às 14 horas, onde serão analisadas várias temáticas relacionadas com a saúde mental.

Em 2010, a World Federation for Mental Health (WFMH) propôs o tema «A Saúde Mental e as Doenças Somáticas Crónicas: a necessidade para cuidados continuados e integrados».