«LUME + Banda Musical de Pevidém + BJazz» atuam no arranque do «Guimarães Jazz»

  • Publicado em Atualidade
Esta noite, no Grande Auditório do Centro Cultural Vila Flor

A 25ª edição do festival «Guimarães Jazz» arranca este sábado, 05 de novembro, com o concerto de «LUME + Banda Musical de Pevidém + BJazz - Coro da Escola de Jazz do Convívio», no Grande Auditório do Centro Cultural Vila Flor, a partir das 22 horas.

O LUME (Lisbon Underground Music Ensemble), fundado em 2006 pelo compositor e pianista Marco Barroso, constitui um dos mais singulares projetos de jazz nascidos em Portugal nos anos 2000, propondo-se explorar a linguagem jazzística no formato orquestral ou de big band.

O espetáculo que aqui se apresenta constitui o momento de abertura da 25ª edição do festival e surgiu do convite dirigido pelo Guimarães Jazz a Marco Barroso para conceber e dirigir um concerto que agregasse, além do LUME, outras formações musicais locais numa grande orquestra.

A integração da Banda Musical de Pevidém e do BJazz (Convívio Jazz Choir) foi uma escolha natural, uma vez que o propósito matricial do projeto seria, além de estabelecer vasos comunicantes entre o festival e a comunidade local, gerar pontos de aproximação e confluência entre grupos com características estéticas e musicais muito diferentes.

[ Artigo originalmente publicado no dia 30.10.2016 e atualizado este sábado, 05.11.2016 ]