Vitória. Júlio Mendes admite mais reforços até ao fecho do mercado

  • Publicado em Atualidade
Líder vitoriano diz que «Football Leaks» “não merece credibilidade”

O presidente do Vitória, Júlio Mendes, assumiu que a direção está a trabalhar com Sérgio Conceição para reforçar algumas posições da equipa até ao fecho de mercado.

O clube já contratou, neste mercado, Francis (ex-Botafogo de Ribeirão Preto, do Brasil) e Hurtado, por empréstimo do Reading, para a equipa principal, bem como Konan, Falaye Sacko e Cosendey para a equipa B, mas o dirigente vitoriano reconheceu que podem chegar mais futebolistas.

“Há algumas posições em que temos de dar algum retoque. Estamos a tentar melhorar aqui e ali o plantel, também em sintonia com o «mister» Sérgio Conceição. Até segunda-feira, estamos a trabalhar nisso, e, depois, os resultados ver-se-ão”, adiantou.

O responsável, questionado sobre a possibilidade do avançado colombiano José Valencia, que representou, em 2015, o Rosario Central e o Independiente, da Argentina, ser contratado, garantiu que os únicos reforços são aqueles confirmados no site do clube, garantindo que a aquisição de Hurtado contou com o aval da equipa técnica.

“O nosso clube tem uma estrutura que tem a sua forma de trabalhar e não toma decisões sem perceber quais são as vontades da equipa técnica e do treinador principal. Obviamente, o treinador principal tem sempre uma palavra a dizer nestes processos de contratação”, assegurou.

Júlio Mendes recusou ainda comentar a divulgação, pelo sítio «Football Leaks», do acordo entre o Vitória e o Atlético de Madrid para a transferência, no início desta época, do médio Bernard para os madrilenos, no valor de seis milhões de euros, dizendo que é uma «fonte» que “não merece credibilidade”.

“Não comento «Football Leaks». Não é uma fonte que deva ser usada de forma institucional, e não merece credibilidade. O Vitória tem um compromisso de confidencialidade relativamente a esse contrato, mas sempre direi que foi um ótimo negócio para o Vitória”, frisou.