Hospital de Guimarães recebe autorização para contratar 63 novos profissionais

  • Publicado em Sociedade
Devido à redução de horas semanais

O Hospital da Senhora da Oliveira Guimarães, a propósito da transição de 40 para 35 horas semanais de trabalho da maior parte dos seus colaboradores com Contrato Individual de Trabalho, que lhe foi concedida, por despacho conjunto dos Ministérios da Saúde e das Finanças, a autorização de contratação de 63 novos profissionais. Estas novas admissões representam um encargo anual de cerca de 1 milhão e 200 mil Euros.

Acresce que o Hospital obteve também autorização para substituir os colaboradores que se encontram ausentes, por variadas razões, há mais de 4 meses, assim como aqueles que, por qualquer motivo, como por exemplo aposentação, cessaram o contrato de trabalho.

O Conselho de Administração do Hospital, em articulação com o Serviço de Gestão de Recursos Humanos e com as chefias dos serviços, preparou esta medida/alteração identificando as suas implicações. Entre várias diligências, identificou, nomeadamente, as necessidades de contratação de profissionais para colmatar a redução do número de horas de trabalho com a passagem das 40h para as 35h semanais. Nesta sequência, está a adaptar os seus serviços e horários, assim como já deu seguimento ao processo de admissão de novos colaboradores nos moldes que os referidos ministérios autorizaram.

O Hospital está a acompanhar continuamente as indicações da tutela, no caso os Ministérios da Saúde e das Finanças, sobre esta matéria, no sentido de que esta alteração seja realizada de forma tranquila, mantendo os critérios de qualidade e segurança, pelos quais pauta a sua atividade, no atendimento e prestação de cuidados aos cidadãos.