Inter de Milão contrata Dalbert e negócio vale 2 milhões aos cofres do Vitória

  • Publicado em Desporto
Transferência efetuada por cerca de 20 milhões de euros

O Inter de Milão oficializou hoje a contratação do lateral Dalbert até 2022, pagando aos franceses do Nice cerca de 20 milhões de euros pelo atleta que passou pelo futebol português. O negócio vai permitir um encaixe de 2 milhões de euros nos cofres do Vitória, uma vez que detinha 10% do passe do atleta.

O lateral-esquerdo brasileiro, de 23 anos, chegou à Europa para o Académico de Viseu (2013-15), sendo transferido antes do fim da época para a equipa B do Vitória. Em 2015/16, fixou-se definitivamente na equipa principal, orientada na altura por Sérgio Conceição, brilhando ao ponto de ser contratado pelo Nice.

As mais-valias do Nice terão de ser repartidas pelo Vitória, que deverá embolsar cerca de dois milhões de euros, já que detinha 10% seu passe. Há um ano, os gauleses pagaram dois milhões de euros pela contratação. Em França, Dalbert notabilizou-se como um dos melhores defesas, tendo disputado 33 desafios no campeonato e ajudando o Nice a pressionar o Mónaco e Paris Saint-Germain, acabando em terceiro e atingindo a Liga dos Campeões, onde vão defrontar o Nápoles no «play-off», após eliminar o Ajax.

Orientado por Lucien Favre, Dalbert mostrou qualidade física e técnica para fazer todo o flanco, assumindo-se como o jogador da equipa com mais cruzamentos (94) e tentativas de dribles (100).

Este é o sétimo reforço da equipa de Luciano Spaletti, depois dos médios espanhol Borja Valero e uruguaio Matías Vecino, ambos ex-Fiorentina, do avançado argentino Facundo Colidio (ex-Boca Juniores), do defesa eslovaco Milan Skriniar (ex-Sampdoria), do avançado dinamarquês Jens Odgaard (ex-Lyngby) e do guarda-redes italiano Daniele Padelli (ex-Torino).