Ténis. João Sousa vence Florian Mayer e está na 2ª ronda do Masters 1000 de Monte Carlo

  • Publicado em Desporto
Triunfo do vimaranense por 6-3 e 6-2

O tenista vimaranense João Sousa, 36º do «ranking» mundial, qualificou-se este domingo para a segunda ronda do Masters 1000 de Monte Carlo, em terra batida, ao bater o alemão Florian Mayer.

O número 1 luso superou o germânico, 49º da hierarquia mundial, em dois «sets», pelos parciais de 6-3 e 6-2, num embate que durou apenas uma hora e dois minutos.

“Estou muito contente por mais uma vitória num Masters 1.000. Não comecei o primeiro ‘set’ como gostaria, um pouco nervoso, com três duplas faltas logo ao princípio, mas soube lidar bem com a situação, frente a um jogador muito perigoso e muito talentoso, que tem muita experiência de circuito”, disse o tenista vimaranense à sua assessoria de imprensa.

João Sousa explicou que, depois de uma entrada em falso, “soube estar à altura” do jogo e do adversário, melhorando com o decorrer do encontro: “Consegui, pouco a pouco, jogar ao meu nível, impor o meu ténis e estou muito contente com esta vitória. Foi um domingo de Páscoa feliz”.

Na segunda ronda, João Sousa - que vingou o desaire perante Mayer (6-1 e 6-2) na edição 2013 do Torneio de Sidnei - vai enfrentar o vencedor do embate de segunda-feira entre o argentino Pablo Cuevas, 26º jogador mundial e 16º cabeça de série, e o sérvio Viktor Troicki, 38º.

“Amanhã (segunda-feira), é dia de descanso e vou preparar da melhor maneira o encontro da segunda ronda”, concluiu João Sousa.