«Endless». Palácio Vila Flor recebe a exposição de Pedro Cabral Santo

  • Publicado em Cultura
Até 21 de abril

O Palácio Vila Flor acolhe a exposição «Endless», de Pedro Cabral Santo, até 21 de abril. A mostra pode ser visitada de terça-feira a sábado, das 10 às 13 horas e entre as 14 e as 19 horas.

A obra de Pedro Cabral Santo pode ser entendida como doação, algo que espera reações e se dá ao mundo sem restrições, nem limites; nela está implícita a esperança de mudar, procurando um mundo melhor em que, segundo o projeto modernista, a arte seria um dos principais veículos de propagação e uma das dimensões mais importantes da vida.

Nem tudo o que parece é; refletir sobre o corpo de trabalho de Pedro Cabral Santo é observar de modo diferente. Imagine-se um cubo, sólido geométrico conhecido; quando se olha, seja qual for o modo de o agarrar, verifica-se não ser possível ver em simultâneo mais de três faces, apesar de possuir seis. Assim, pode concluir-se o seguinte: não há omnisciência, nem saber absoluto; o visível, representado pelas três faces expostas, mostra-se sob um fundo invisível. Neste sentido, a obra deve ser lida e interpretada para além do óbvio, podendo cada observador acrescentar-lhe as suas ideias e contra-ideias.

[ Artigo originalmente publicado no dia 27.01.2018 e atualizado este sábado, 14.04.2018 ]