PSP emitiu comunicado sobre os incidentes no Vitória-Benfica

  • Publicado em Atualidade
Jogo foi interrompido nos minutos iniciais

A Polícia de Segurança Pública emitiu esta segunda-feira um comunicado sobre os incidentes registados durante o jogo de futebol que opôs o Vitória e o Benfica, deste domingo, no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães. 

No Comunicado pode ler-se:

“No seguimento dos incidentes registados no passado domingo, dia 05, na cidade de Guimarães, durante o jogo de futebol que opôs o Vitória Sport Clube (VSC) ao Sport Lisboa e Benfica (SLB), a Polícia de Segurança Pública vem esclarecer:

No decurso do policiamento, a PSP sinalizou, perto das 16H30, a deslocação para o estádio de um grupo de cerca de 500 adeptos afetos ao SLB, pelo que de imediato procurou enquadrá-los e acompanhá-los no seu percurso. De salientar que estes adeptos se haviam deslocado de forma autónoma e em viaturas ligeiras, para a cidade de Guimarães.

A chegada deste grupo de adeptos junto ao estádio, perto do início do jogo, resultou na reação de um grupo de simpatizantes do VSC, que se encontravam nas imediações, arremessando pedras e garrafas de vidro na direção dos agentes policiais que, entretanto, se colocavam de modo a evitar o confronto entre os adeptos dos dois clubes.

Em simultâneo, nas portas de acesso à bancada sul, diversos adeptos do VSC procuraram forçar violentamente a saída do estádio, arremessando pedras, garrafas e mesmo lages de betão contra polícias e assistentes de recinto desportivo, o que resultou em 9 feridos entre os agentes policiais e obrigou à intervenção para reposição da ordem.

Este movimento de adeptos e a deflagração de vários artifícios pirotécnicos terá gerado confusão entre os demais espetadores que se encontravam nesta zona do estádio o que motivou a que estes descessem as bancadas em direção ao recinto, na tentativa de se afastarem.

A intervenção policial ocorreu apenas no exterior e teve por objetivo manter a distância entre os adeptos e evitar o confronto direto entre estes.

Neste contexto, nos termos das responsabilidades legais previstas para todos os intervenientes nos espetáculos desportivos, a Policia de Segurança Pública, e em particular o Comando Distrital da PSP de Braga cumpriram as suas obrigações e responsabilidades em matéria de segurança pública”.