João Sousa cai para a sua pior posição no 'ranking' em mais de dois anos

  • Publicado em Atualidade
Pior posição em mais de dois anos

O tenista vimaranense João Sousa caiu esta segunda-feira para a 57ª posição da hierarquia mundial, a sua pior posição em mais de dois anos, com Gastão Elias a ter uma descida de 23 lugares.

Desde 27 de abril de 2015 que João Sousa não estava no 57º lugar, caindo seis lugares depois de ter sido afastado na primeira ronda do Masters 1000 de Roma.

Já Gastão Elias, eliminado na estreia no Challenger de Bordéus, caiu 23 lugares e é 125.º do mundo, a sua pior posição desde 22 de fevereiro de 2016.

Pedro Sousa mantém-se dentro do top-200 do mundo, apesar de ter descido um lugar, para 155.º da hierarquia, que continua a ser liderada pelo britânico Andy Murray, seguido pelo sérvio Novak Djokovic e pelo suíço Stanislas Wawrinka.

Depois de ter vencido o Masters 1000 de Roma, o alemão Alexander Zverev estreou-se no ‘top-10’ mundial, ao subir sete lugares até ao 10.º posto.