Vitória B venceu esta tarde a Oliveirense (4-2) e deixa zona de despromoção

  • Publicado em Atualidade
No Estádio D. Afonso Henriques

O Vitória B venceu esta quarta-feira à tarde a Oliveirense, por 4-2, e subiu provisoriamente ao 19º lugar da Segunda Liga portuguesa de futebol, num jogo relativo à 34ª jornada, realizado no Estádio D. Afonso Henriques.

A equipa vimaranense surgiu em campo com quatro ‘reforços' da equipa principal - Luís Rocha, Oriol Rosell, Tozé e Francis - e assumiu bem cedo o controlo do jogo, criando o primeiro lance de perigo ao minuto 18, quando Francis rematou de ângulo apertado para defesa de João Pinho.

Na sequência do lance, a equipa de Vítor Campelos adiantou-se no marcador por Bruno Mendes, que respondeu a um canto de Tozé, na esquerda, com um cabeceamento sem oposição na pequena área, aos 19 minutos.

O Vitória B continuou a ‘mandar' no jogo e quase ampliou a diferença, quando Dénis Duarte cabeceou ao poste, aos 26 minutos, mas o golo acabaria por surgir para a turma de João Bastos no único remate que fez na primeira parte, com Leleco a bater Assis num ‘tiro' bem colocado de fora da área.

Os vitorianos, momentaneamente abalados pelo golo, apenas voltaram a estar por cima nos cinco minutos finais, repondo a vantagem por Luís Rocha aos 45+1 minutos, num remate em jeito que entrou junto ao poste direito, já depois de terem falhado um penálti por Dénis Duarte, aos 44’.

A formação de Oliveira de Azeméis apareceu mais propensa arriscar no ataque após o reatamento e logrou mesmo nova igualdade aos 63 minutos, quando Renan aproveitou uma má saída de Assis para contornar o guarda-redes e atirar para o fundo das redes.

Os vimaranenses viram-se forçados a reagir e Raphinha falhou três ocasiões claras para fazer o terceiro golo aos 66, aos 70 e aos 72 minutos, mas João Pedro, aos 81, ‘fuzilou' a baliza da Oliveirense após confusão na área, devolvendo a vantagem ao Vitória B, e Raphinha selou, aos 87, o resultado final, com um remate forte e cruzado.