47 bombeiros combateram incêndio florestal na vila de S. Torcato

  • Publicado em Atualidade
Chamas consumiram 3 hectares de floresta em Ronfe

Um total de 47 bombeiros, apoiados por 13 viaturas e dois helicópteros, combateram um incêndio florestal de grandes dimensões, que deflagrou este domingo no Lugar da Boavista, na vila de S. Torcato.

Os Bombeiros Voluntários de Guimarães foram chamados a intervirem pelas 11:27 horas, mobilizando para o local 28 homens e 11 viaturas, que contaram com o apoio de 19 elementos e 5 veículos, provenientes das corporações de Famalicão, Famalicenses, Riba D’Ave e Vizela, e ainda de dois helicópteros de combate às chamas.

Segundo apurou a GMRtv, os bombeiros iniciaram as operações de rescaldo pelas 21 horas, estando prevista a vigilância da zona para evitar reacendimentos durante a noite.

Entretanto, também este domingo, um outro incêndio florestal deflagrou no Lugar do Barreiro, em Ronfe. O alerta foi dado pelas 13:33 horas, tendo sido mobilizados para local 15 homens e 3 viaturas, provenientes das corporações de Guimarães, Taipas e Famalicenses.

Os trabalhos foram dados por finalizados já depois das 18 horas, após terem sido contabilizados três hectares de área florestal consumida pelo fogo.

INCÊNDIOS EM SOUTO S. SALVADOR E PONTE

Ainda durante este domingo, a corporação das Taipas combateu dois incêndios florestais, que deflagraram em Souto S. Salvador e Ponte.

O primeiro deflagrou pelas 15:30 horas, em Souto S. Salvador, tendo sido mobilizados para o local 10 homens e 2 viaturas, que deram os trabalhos por finalizados pelas 19:20 horas, após contabilizar-se duzentos metros quadrados de área devastada pelas chamas.

Mais tarde, pelas 17:55 horas, 11 homens e 2 veículos foram chamados a combaterem o fogo no Monte da Ínsua, em Ponte. O incêndio consumiu quatrocentos metros quadrados de área florestal.

Além dos incêndios já referidos, os Bombeiros das Taipas prestaram ainda apoio no combate a incêndios florestais que deflagraram em Terras do Bouro, Braga e Póvoa de Lanhoso.